Janela do Conhecimento
Menu
xPrincipal
Voltar a p?gina anterior

VIVA SOB O PODER IMENSURÁVEL E INFINITO

 

VIVA SOB O PODER IMENSURÁVEL E INFINITO

 

    Quantas vezes você se sentiu perdido, achando que a solidão, a dor ou o desamparo eram seus companheiros? A humanidade não cresceu só em números, mas em informações e comprovações de uma direção Divina.

 

   Se pensar pela visão científica verá que o universo não pode ter nascido de uma explosão, (caos), mas surgiu de uma mente/energia/amor gerando tudo nos mínimos detalhes.

 

 

A

 

 

          Este poema nos remete ao sentimento de que muitas vezes acreditamos estar perdidos na frente do mar. Mas, quem criou o mar está com você no colo.

 

          Poema Pegadas na Areia

 

       Uma noite eu tive um sonho...

      Sonhei que estava andando na praia com o Senhor e no céu passavam cenas de minha vida.

 

A

   

  Para cada cena que passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia:

     Um era meu e o outro do Senhor.

     Quando a última cena da minha vida passou diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia.

    E notei que muitas vezes, no caminho da minha vida, havia apenas um par de pegadas na areia.

 

A

 

 

      Notei também que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiantes da minha vida.

     Isso aborreceu-me deveras e perguntei então ao meu Senhor: - Senhor, tu não me disseste que,  tendo eu resolvido te seguir, tu andarias sempre comigo, em todo o caminho?

 

A

    

     Contudo, notei que durante as maiores tribulações do meu viver, havia apenas um par de pegadas na areia.

 

A

 

 

     Não compreendo por que nas horas em que eu mais necessitava de ti, tu me deixaste sozinho.

     O Senhor me respondeu: - Meu querido filho, jamais te deixaria nas horas de prova e de sofrimento.

 

A

 

 

     Quando vistes na areia, apenas um par de pegadas, eram as minhas.

     Foi exatamente aí, que te carreguei nos braços.

A

 

 Com carinho, 

Ester de Suzan

A 



Fonte:  footprints