A SUPREMACIA DA DIVINDADE QUE CRIOU O UNIVERSO
Voltar a p?gina anterior

A SUPREMACIA DA DIVINDADE QUE CRIOU O UNIVERSO

 

       A SUPREMACIA DO UNIVERSO: MESTRE, HOMEM OU CRIADOR?

 

        Quem era ESTE que podia segurar o universo na palma da mão, mas abdicou disso para flutuar no ventre de uma virgem?

 

   Não podemos considerá-lo simplesmente um Mestre, pois suas declarações foram demasiadamente profundas e indiscutíveis, para limitá-lo ao lado dos Mestres como Sócrates ou Aristóteles. Também não podemos categorizá-lo como um Profeta, pois Ele não fora enviado para revelar as verdades. ELE era a própria verdade.

 

 

j

 

 

        Ele tocou o ombro coletivo da humanidade e pediu “com licença”, e as eras mudaram, o tempo mudou, a eternidade rompeu o tempo, a Divindade interrompeu a carnalidade... e a LUZ fora enviada à TERRA em forma de bebê!

 

 

j

   

 

     E o inimaginável aconteceu: completamente humano, completamente Divino... como entender  ELE ter vivido acima de nós ou longe de nós, mas viveu entre nós. Tornou-se amigo dos que estavam perdidos e irmão dos que eram pobres.

 

 

j

 

 

   O mundo jamais conheceu coração tão puro, nem caráter tão perfeito; SUA audição espiritual era tão aguçada que jamais deixou de ouvir um sussurro sequer.

 

 

j

 

 

        SUA misericórdia era tão abundante que nunca perdeu uma chance de perdoar; nenhuma mentira jamais saiu de seus lábios; nenhuma distração atrapalhou sua missão.

 

 

j

 

 

         ELE tocou a todos que pediram. Não houve diferença entre o leproso e o cobrador de impostos. ELE suportou a Sua própria dor e a dos outros, mas jamais permitiu que alguém permanecesse só. 

 

 

 

j

 

 

      Ao subir na montanha ELE orou:  Imagino SEUS olhos cheios de amor, olhando uma multidão, que estava separada DELE pelo impossível.

 

 

j

 

 

          Orou para que os olhos cegados pelo poder pudessem ver a verdade Divina;

  Orou pelas pessoas encantadas com o próprio sucesso, que pudessem enxergar seu semelhante;

  Orou pelos líderes ansiosos pelo poder, que o seguissem pelo amor;

 Orou pelas pessoas que tem ganância pelo alimento material, que tivessem necessidade de alimentar o espírito;

   Orou para que o povo fosse um só, que não houvesse diferenças, nem  de credos, nem de raças e nem de poder;

 Orou para que o impossível se tornasse possível, e pediu para perdoarmos sempre, e amarmos uns aos outros com grande fraternidade.

 

j

 

              Acreditem não foram os pregos que prenderam O GRANDE CRIADOR a uma cruz, mas a sua eterna essência, o AMOR INCONDICIONAL  pela humanidade.

 

          Com grande carinho,

          Ester de Susan

                  m

 

            Fontes: SEU NOME É JESUS

          Autor: MAX LUCADO   

 

APRENDA COMO PREPARAR REMÉDIOS CASEIROS COM ERVAS MEDICINAIS;
UNIVERSOS PARALELOS: O Mundo Físico e o Espiritual ;

Conheça nossos info produtos.

Desenvolvido por